Museu do Níger é um ‘Espelho’ da Nação

Reading Time: 2 minutes

AGÊNCIA FRANCE-PRESSE

Existem poucos museus no mundo com um âmbito tão amplo como o Museu Nacional do Níger. Este museu possui exposições que cobrem a arte, história, dinossauros, energia nuclear, esculturas de arte e música, assim como animais vivos, porque é também um jardim zoológico.

A relíquia cultural do país, o museu de 24 hectares, sobrevive com base num orçamento que é apenas uma fracção dos orçamentos das suas contrapartes ricas. Mesmo assim, cobra uma taxa de entrada muito baixa — cerca de 10 centavos de dólar — para que até o mais pobre seja capaz de entrar e ver coisas maravilhosas, incluindo animais selvagens.

“É o espelho do Níger, a sua reflexão social e cultural,” disse o seu director, Haladou Mamane, orgulhosamente destacando os seus pontos fortes em termos de cultura, história, arqueologia, paleontologia, sem se esquecer da secção do jardim zoológico, que faz “parte de uma tradição multidisciplinar.”

“Aqui todos os nigerinos, independentemente da sua proveniência, podem ganhar conhecimentos sobre o país,” disse Mamane.

Antes da pandemia, o museu tinha mais de 100.000 visitantes por ano, muitos deles são as chamadas crianças talibé. Estas crianças são únicas na África Ocidental — os seus pais entregaram-nas a um tipo de escolas islâmicas, onde elas deviam aprender o Alcorão. Mas elas tipicamente passam os seus dias como mendigos nas ruas empoeiradas, com um receptáculo de metal pendurado nos seus pescoços, e muitas encontram no museu um escape maravilhoso.

“Eu venho de Yantala,” um distrito degradado do nordeste de Niamey, “para ver os animais, os macacos, os leões, os crocodilos,” disse Ismael Mariama, de 12 anos de idade.

O museu, que foi fundado pouco antes de o Níger ganhar a sua independência da França, em 1960, está a planificar uma reabilitação e uma expansão com a ajuda de doações internacionais. O museu promete que, uma vez concluído o trabalho de reconstrução, as 111 espécies do jardim zoológico irão gozar de melhores condições.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.