Desenho Animado Da Gnigéria Internacionaliza-Se

Reading Time: < 1 minute

EQUIPA DA ADF

Um famoso desenho animado infantil, feito por um animador nigeriano, está a promover a cultura e as histórias africanas.

A série de desenhos animados Bino & Fino, que foi ao ar pela primeira vez 10 anos atrás, agora já é transmitida em 15 países, incluindo os Estados Unidos e o Reino Unido.

O criador do programa, o animador Adamu Waziri, disse que não fazia sentido que o país mais populoso de África não tivesse um programa infantil de desenhos animados da sua própria autoria. 

Ele disse que foi muito difícil encontrar animadores experientes na Nigéria: “é preciso fazer muitas formações,” disse à Voz da América. Acrescentou que, em princípio, uma série de desenhos animados leva dois a três anos a produzir e não gera rendimentos durante esse tempo.

Bino & Fino é sobre um irmão e uma irmã que vivem numa cidade africana cujo nome não é identificado. Em cada episódio, Bino e Fino, com a ajuda da amiga Zeena, a Borboleta Mágica, e seus familiares, descobrem e apreendem coisas sobre África e sobre o mundo. O programa destina-se a crianças de 3 a 5 anos de idade.

O episódio piloto celebrou o Dia da Independência da Nigéria e abordou a questão do colonialismo. O desenho também já teve segmentos onde se ensinam os números de um a 10, nas línguas nigerianas Igbo e Yoruba, reportou a CNN.

Bino & Fino não é o único desenho animado produzido em África. Os contos do Tinga-Tinga, por exemplo, são feitos no Quénia para a BBC, enquanto o Jungle Beat é produzido na África do Sul e já foi transmitido internacionalmente. Ambos desenhos, como muitos feitos em África, contam histórias sobre os animais do continente. Waziri estava determinado a fazer algo diferente, disse a CNN.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.